Investigação e Desenvolvimento


A investigação assume um papel preponderante nos dias que correm. Atualmente, a maior parte dos projetos de investigação a nível mundial só são concretizáveis pelos fundos disponibilizados pelos laboratórios privados. A Bebé Vida dá o seu contributo à investigação, não só na área das células estaminais, mas também em áreas que possam representar uma mais-valia para a saúde da mulher.



 

Expansão das células estaminais do sangue do cordão umbilical

O Laboratório Bebé Vida associou-se à empresa StemCell2Max e ao IMM - Instituto de Medicina Molecular da Universidade de Lisboa com o objetivo de testar a capacidade de expansão celular das células estaminais hematopoiéticas do sangue do cordão umbilical. O trabalho foi apresentado no último congresso da Sociedade Portuguesa de Células Estaminais e Terapia Celular.
Os resultados obtidos foram muito animadores, tendo-se conseguido expandir 10x as células nucleadas e 100x as células estaminais hematopoiéticas (CD34+).
Com esta linha de investigação a Bebé Vida pretende dar o seu contributo para que a expansão das células do sangue do cordão umbilical seja um procedimento bem estabelecido no campo da transplantação hematopoiética.

 




Células Natural Killer

O laboratório BEBÉ VIDA e o Hospital de Santo António, Centro Hospitalar do Porto reúnem sinergias num projeto de investigação com as chamadas células NK.


 

Alterações oxidativas no sangue materno na gravidez normal, associado a ameaça e parto pré-termo

Apoio ao estudo desenvolvido pelo Departamento da Mulher e da Medicina Reprodutiva do Centro Materno Infantil do Norte, pela Faculdade de Medicina da Universidade do Porto e pelo IBMC sobre a temática do parto pré-termo.