5ª Fase - Receção das Amostras e Notificação dos Resultados


Os pais recebem a confirmação do sucesso da criopreservação da amostra.

No Laboratório, os técnicos qualificados da BebéVida procedem à análise processamento e criopreservação da amostra.

AMOSTRAS CRIOPRESERVADAS COM SUCESSO

Aproximadamente, até 6 semanas contadas a partir do nascimento do bebé, os pais serão informados, via e-mail ou por carta, dos resultados da criopreservação e respetivas análises.
Caso as amostras reúnam as condições exigidas pelo laboratório, serão criopreservadas e a Bebé Vida enviará, aos pais, um relatório detalhado onde constam o número total de células estaminais criopreservadas e o grupo sanguíneo do bebé.

AMOSTRAS NÃO CRIOPRESERVADAS

Embora não seja muito frequente, pode acontecer que a amostra de sangue apresente coágulos, não permitindo o isolamento das células ou que não tenha um número suficiente de células estaminais vivas que permitam a sua criopreservação.
Os pais serão informados por escrito de que não foi possível concretizar a criopreservação, com o respetivo relatório em anexo.
Neste caso, o processo fica encerrado e não haverá lugar ao pagamento, dado que a amostra não foi criopreservada.

UMA DECISÃO DOS PAIS

Por vezes, existem amostras de sangue que, segundo os padrões científicos pré definidos, contêm um nº de células estaminais próximo do adequado, mas ainda insuficiente para uma terapia celular. Embora, neste momento, seja questionável a sua aplicabilidade, num futuro próximo, poderão beneficiar das técnicas de expansão celular.
É importante salientar que existem centros de terapia celular que aceitam uma quantidade mais reduzida de células, para algumas terapias experimentais.
Neste caso, o nosso laboratório entrará em contacto com os pais e estes poderão decidir pela criopreservação da amostra.