BabySafe

O que é o BabySafe?

É um teste pré-natal que, através de uma amostra de sangue materno e de uma forma não invasiva, deteta no ADN do bebé a presença de trissomias 21, 18 e 13, o sexo fetal e as aneuploidias dos cromossomas sexuais (Monossomia X, XXX, XXY, XYY).

Em comparação com outras opções de rastreio pré-natais, este teste tem uma precisão superior e taxas de falsos positivos inferiores. Pelo facto de ser um teste realizado de forma não invasiva não tem risco de abortamento, o que não acontece com diagnósticos invasivos, como a amniocentese ou a biópsia de vilosidades coriónicas (CVS), com um risco de abortamento de 0,5% ou 1%-2%, respetivamente.

Quer saber mais?

Para todas as grávidas.
Sem riscos!

  • Grávidas com mais de 35 anos.
  • Grávidas com risco elevado para as trissomias 21, 18 e 13.
  • Grávidas com trissomia diagnosticada em gravidez anterior.
  • Grávidas com história de interrupção da gravidez repetida.
  • Grávidas com resultados ecográficos sugestivos das cromossomopatias testadas.
  • Grávidas que desejam saber mais informações sobre o seu bebé.

6 Razões para Confiar!

1. Deteção Precoce – Pode ser realizado a partir da 10ª semana de gestação (inclusive).

2. Seguro – A realização do teste não tem risco de aborto, normalmente associado a métodos invasivos.

3. Simples – Apenas é necessária uma simples colheita de sangue, sem preparação prévia.

4. Elevada capacidade de deteção – Deteta os síndromes mais comuns: trissomias 21, 18 e 13, identifica o sexo fetal e as aneuploidias dos cromossomas sexuais (Monossomia X, XXX, XXY, XYY).

5. Análise de confiança – Taxa de falsos positivos e falsos negativos inferior a 0,5%.

6. Prazo – O relatório estará disponível em 4 dias úteis (máximo 6).

O teste pré-natal não invasivo é cada vez mais importante.

Existem várias oções de rastreio pré-natal disponiveis. Em comparação com o teste pré-natal não invasivo BabySafe, os métodos de rastreio tradicionais têm uma precisão inferior e taxas de falsos positivos superiores. Por outro lado, diagnósticos invasivos, como a amniocentese ou a biópsia de vilosidades coriónicas (CVS), implicam um risco de aborto de 0,5% ou 1%-2%, respetivamente.

O BabySafe fornece informações claras sobre as aneuploidias fetais mais comuns, o que pode minimizar a ansiedade materna e orientar a realização de procedimentos invasivos para diagnóstico definitivo, no caso de um resultado positivo.

Recomenda-se que não seja assumida nenhuma decisão clínica irreversível com base unicamente no resultado do presente teste.

O processo BabySafe

  1. A grávida consulta o seu médico e solicita a requisição para realização do teste;
  2. A grávida contacta a BebéVida, a partir das 10 semanas de gestação;
  3. A grávida procede à recolha de sangue num dos postos de colheita da Unilabs distribuídos por todo o País;
  4. A grávida e o seu médico recebem os resultados em 4 a 6 dias úteis.

BabySafe, a tranquilidade que procura.